Skip to Store Area:

Loja do Professor

Biblioteca da Arte 38 DVD's - Super promoção

Duplo clique na imagem acima para visualizá-la maior

Reduzir
Aumentar

Mais Visualizações

Biblioteca da Arte 38 DVD's - Super promoção

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

Preço Normal: R$570,00

Preço Promocional:
R$300,00

Acrescentar itens ao carrinho Adicionar ao Carrinho

Descrição Rápida

Biblioteca da Arte 

38 DVD's com a vida e as obras de cada artista, apresentadas por conceituados especialistas de renome internacional no mundo da arte.

A Natureza Como Inspiração
Leonardo da Vinci
Turner
Gainsborough
Constable
Cézanne
 
Impressionistas
Monet
Degas 
Pissarro
Manet
Mary Cassatt
Renoir
 
Visão da Existência Humana
Van Gogh
Francis Bacon
Toulouse-Lautrec
Bruegel
Rodin
Hogarth
 
Cor, lúz, simbolismo
Matisse
Bosch
Vermeer
Blake
 
Rumo à Abstração
Mirô
Kandinsky
Pollock
Paul Klee
Georgia O'Keeffe 
Mondrian
 
Arte do Fantástico
Dalí
Chagall
Duchamp
Magritti
Man Ray
Giacometti
 
Retratistas
And Warbol
Reynolds
Rubens
Rembrandt
Van Dyck


Artistas apresentados na coleção:

A Natureza Como Inspiração

DVD 01 - Leonardo da Vinci

 A história do brilhante artista, escultor, arquiteto e engenheiro italiano é contada neste documentário. Um legado à humanidade tão extenso e variado que inclui as belíssimas obras primas “A Última Ceia” e “Mona Lisa”. Apresenta sua rica coleção com a peculiar forma de escrever pelo reflexo dos espelhos e seus pensamentos originais sobre astronomia, biologia e psicologia.

• DVD 02 - Turner

Foi um ser humano complexo. Usou a aquarela desde o início de sua carreira. Ele se dedicou à arte do paisagismo e o mundo natural o fascinava. Turner retratou o mar e o céu em seus trabalhos. Tudo o que fez foi por sua arte, ele viveu por ela.


• DVD 03 - Gainsborough

Foi um dos mais célebres artistas do Barroco Inglês, precursor da escola paisagística nacional do século XIX. Foi o maior retratista inglês do século XVIII; seus retratos tinham unidade e ele usava a pincelada “emplumada”, porém durante sua vida inteira, seu verdadeiro amor foi pintar paisagens.

• DVD 04 - Constable

Foi um dos artistas pioneiros na percepção e estudo das mudanças dos efeitos da luz e das condições atmosféricas na arte. Ele abordou a natureza com uma nova visão, significado e interpretação. A popularidade da zona rural inspirou seus melhores trabalhos.

• DVD 05 - Cézanne

Foi um indivíduo complexo e atormentado, mas como artista foi um verdadeiro gênio. Ele é considerado o pai da pintura moderna. Foi um dos grandes nomes que representaram a fundação para os primeiros experimentos que ocorreram no século XX.


Impressionistas

• DVD 06 - Monet

Considerado um dos maiores impressionistas, sua habilidade é expressada por luz e cor. Ele adotou a prática de pintar várias telas ao mesmo tempo, trocando-as de acordo com as condições do tempo. Seu sucesso triunfal se deu com a série “Montes de Feno”. Monet morreu com mais de 80 anos e sua genialidade deve ser vivenciada fisicamente.

• DVD 07 - Degas

 Ele procurou captar de seus antecessores a exatidão da expressão, a fórmula certa e os segredos técnicos que queria incorporar ao seu trabalho. Degas, empregou uma técnica não convencional, a tinta a óleo diluída em terebentina. Foi um artista até o fim de sua vida.

• DVD 08 - Pissarro

Pioneiro do impressionismo, em suas pinturas havia sempre um senso de sua filosofia política e ele voltava sempre ao tema Trabalho, ele achava que era uma atividade honrosa o trabalho feito com as mãos. Pissarro foi um fator estabilizador constante que permitiu a todos os outros impressionistas se aventurarem em diferentes caminhos.

• DVD 09 - Manet

De todos os artistas de sua época Manet talvez tenha sido o mais contraditório. Ele quebrava as convenções da Arte Acadêmica. “The Bar at the Folies Bergeres” é considerada sua maior obra, certamente porque parece unir nela, um número de características que ele buscara por toda a sua vida.

• DVD 10 - Mary Cassatt

Primeira impressionista americana, seu trabalho mostra a mulher de forma diferenciada. Ela pintava a vida cotidiana, a mulher em ação. Ela era extremamente enérgica e cheia de opiniões, mas totalmente aberta a novas idéias. Mary Cassatt dedicou sua vida a arte, quebrando barreiras de uma sociedade dominada por homens.

• DVD 11 - Renoir

Considerado o maior de todos os impressionistas, apesar de ser parte desta escola artística importante da época, ele permaneceu fiel a si mesmo, incorporando apenas aquilo que considerava adequado. Seu quadro “Grandes Banhistas” pode ser visto como um marco em sua carreira. Sua impressionante obra continua sendo um maravilhoso lembrete de sua força.

Visão da Existência Humana

• DVD 12 - Van Gogh

 Ele vivenciou a solidão, a perseguição e a loucura que o levou ao suicídio, mas a sua vida não seria tão atraente senão fosse pela grandiosidade de sua arte. Era um homem de considerável profundidade espiritual e intelectual. Uma de suas obras mais famosas e ousadas tecnicamente foi “Os Girassóis”.

• DVD 13 - Francis Bacon

Bacon identificou seu tema bem cedo: os fatos crus da existência humana. Tingidas pela convicção de que o nosso mundo é destituído de qualquer plano benevolente, suas pinturas desafiam a insensibilidade cósmica das nossas ações na medida em que focam com veemência, ternura, remorso e outras emoções na vida particular de seus temas.

• DVD 14 - Toulouse Lautrec

Foi ilustrador da Bele Epoque, uma era de prosperidade, entretenimento e prazeres. Suas litografias e gravuras marcaram uma época e gerou uma liberdade muito maior do que a existente nos processos de impressão anteriores. Sua obra tem uma preocupação com a figura humana, com os movimentos e é cheia de sensibilidade, verdade e honestidade.

• DVD 15 - Bruegel

Ao longo de uma vida de trabalho relativamente breve, Bruegel deu uma abordagem original para o seu trabalho e a amplitude de suas realizações foram notáveis. Sua obra traz contrastes impressionantes, desde as paisagens, a vida cotidiana dos camponeses, até os aspectos mais sombrios do comportamento humano.

• DVD 16 - Rodin 

Escultor e arquiteto, Rodin foi um homem tão original quanto os tesouros entre as paredes. Foi um gigante com grande personalidade no mundo da arte. Durante sua vida, ele não realizou o seu sonho: ter a sua maior obra-prima “A Porta do Inferno”, fundida em bronze.

• DVD 17 - Hogarth

Hogarth se apegou a traços universais do ser humano e os descreveu na sociedade do século XVIII, tanto quanto eles existem em nossa sociedade dos dias de hoje. Foi um dos maiores pintores naturais que a Inglaterra produziu. Era irreverente e continuamente tocava sua sátira em seu trabalho.

Cor, lúz, simbolismo

• DVD 18 - Matisse

Ao longo de sua carreira, Matisse foi nutrido por diferentes movimentos como o neoclassicismo, o realismo, o impressionismo e o pós-impressionismo. Sua carreira durou mais de 60 anos, e o quadro “As Tristezas do Rei” nos dá a colagem simbólica do artista como um senhor das artes e auto-reconhecido como tal.

• DVD 19 - Bosch

Bosch voltou-se para a Bíblia como tema principal de sua obra. Ele se inspirava nas margens dos manuscritos, nas igrejas, nas esculturas e gravuras das misericórdias. Certos aspectos de sua arte estiveram presentes desde o começo como o humor aguçado, o forte simbolismo, a insensatez humana e o pecado. O poder criativo de Bosch tornou o horror tão eficaz que é preciso várias pausas para assimilar a magnitude de sua imaginação.

• DVD 20 - Vermeer

Entre todos os grandes artistas da história, Jan Vermeer foi um dos mais misteriosos. Vermeer foi um pintor holandês incrivelmente meticuloso e isto dava à sua pintura grande poder e solidez. Sua principal característica era captar a simplicidade e transformá-la em obras monumentais. Ele viveu cercado por arte durante toda sua vida, era um mestre da cor, da textura e especialmente da luz.

• DVD 21 - Blake

Blake foi tipógrafo, poeta romântico e pintor. Era uma figura curiosa, com idéias maravilhosas, tinha senso de espiritualidade e genialidade únicas. Após tentar a pintura histórica, Blake produziu uma obra influenciada pela arte clássica e pela mitologia. Seu último grande feito foram as ilustrações iniciais da “Divina Comédia” de Dante, onde ele colocou com originalidade suas próprias preocupações espirituais.

Rumo à Abstração

• DVD 22 - Miro

 Um mundo de sinais. Miro pertence a uma geração que recebeu a herança de todos os “ismos” do século XIX. O processo criativo de Miro expressado em seus trabalhos são misteriosos e imprevisíveis. Ele morreu aos 90 anos e produziu uma obra prodigiosa, com 2000 pinturas a óleo, 500 esculturas, 400 objetos cerâmicos e 5000 desenhos e colagens.

• DVD 23 - Kandinsky

Ao logo de sua carreira ele teve várias influências, principalmente do impressionismo. A plenitude das cores, é uma inovação que ele incorpora em seu estilo e pintura em 1908. Kandinsky também utiliza teorias geométricas como o círculo, o triângulo e o retângulo.

• DVD 24 - Pollock

 Mesmo permitindo que seu temperamento dominasse suas pinturas, ele recaía sobre o estilo regionalista. Pollock pintava a arte folclórica indígena tanto mexicana quanto americana. Outro tema que ele atacava de frente era sua contínua tentativa de diferenciar e integrar o lado masculino e feminino de sua personalidade, como na tela “Male e Female”.

• DVD 25 - Paul Klee

 Os trabalhos de Paul Klee tiveram enorme importância no desenvolvimento da arte moderna. Ele se tornou fonte de confiança e admiração. Ele era em parte poeta e visionário e em parte artesão metódico e disciplinado e burguês equilibrado. Klee estabeleceu uma conexão entre música, natureza e arte.

• DVD 26 - Geórgia O’keefe

Única em sua expressão orgânica e abstrata, sua visão e paixão a identificam como uma mestre da arte moderna. Era original e audaciosa. Seus estudos de flores, ossos, cenas urbanas, e paisagens do sudoeste se tornariam uma das imagens mais prontamente reconhecidas da arte moderna de sua época.

• DVD 27 - Mondrian

Homem enigmático e impressionante ele era um filósofo que pintava ou um pintor com pensamento filosófico. Mondrian removia em suas obras o que não era essencial para chegar a solução crua, bruta e econômica. O que ele faz pode ser considerado o movimento da imobilidade. A energia que podemos observar em suas telas é tão sensual e intelectual quanto pessoal e impessoal.

Arte do Fantástico

• DVD 28 - Dali

 O gênio Dali começou com pinturas realistas influenciado por Vermeer e dominou a técnica que ele iria usar mais tarde nas suas composições surrealistas. Dali pintou paisagens, retratos, naturezas mortas e composições cubistas. Ele usou a geometria, a construção diagonal e a influência barroca em suas pinturas.

• DVD 29 - Chagall

 Chagal trouxe de suas origens bielo-russa e germânica uma visão totalmente nova da percepção irracional de sonhos, visões e lendas. Houve uma abertura inesperada do horizonte intelectual em que imagens de sonhos, memória e fantasia se tornaram tão importantes quanto a realidade visível e onde até objetos naturais ganharam associações legendárias e místicas.

• DVD 30 - Duchamp

Um dos artistas mais controversos e enigmáticos do século XX. Ele modificou fundamentalmente o jeito de olhar e entender a arte. Ele descreveu seu trabalho como pintura de precisão, um tipo de pintura ilustrativa, que não é conhecida como um fim estático em si mesmo ou para os olhos do observador.

• DVD 31 -  Magritte

Um mestre do surrealismo francês, ele combina um falso senso de realismo com um toque de ironia. O desconcertante e irracional mundo dos sonhos, colide com as superfícies plácidas das telas de Magritte. As fascinantes e desafiadoras imagens dos trabalhos de Magritte são consideradas revelações sobre o ministério do mundo visível.

• DVD 32 - Man Ray

Engenhoso, ousado, de imaginação fértil e com uma disposição contínua para questionar as noções tradicionais da arte, Man Ray foi pintor, desenhista, trabalhou com colagem, impressão, fotografia, objetos, escultura e filmes. Ele foi uma peça fundamental da Vanguarda.

• DVD 33 - Giacometti

Teve uma influência mútua dos diferentes gêneros de desenho, pintura e escultura envolvendo questões da realidade vista, percebida e capturada. Nas suas pinturas, ele relatava paisagens familiares e naturezas mortas assim como as pessoas que ele conhecia, mas nas esculturas Giacometti buscava uma representação simbólica da realidade.

Retratistas

• DVD 34 - Andy Warhol

 Andy se envolveu em uma série de projetos comerciais de arte, ilustrações de livros, moda, filmes, decoração de interiores e suas primeiras experiências no campo da arte envolviam a arte religiosa. Andy criou desenhos comerciais de grande repercussão: O Super Homem, Popeye, Batman, Dick Tracy e outros. Nas obras de Andy presença e ausência se fundem uma na outra.

• DVD 35 - Reynolds

Foi um dos principais retratistas ingleses do século XVIII. Fundador da Escola Inglesa de Arte, liderou a criação da Academia Real de Arte, dando status à pintura e outras artes visuais na Grã-Bretanha. Reynolds começou a usar uma pincelada grossa e empastada, que se tornaria uma característica de sua pintura. Ele diminuiu a lacuna entre a pintura histórica e o retrato e criou um gênero novo de pintura: o Retrato Histórico.

• DVD 36 - Rubens

Recebeu influência das cores ricas e vibrantes e também do agudo senso de luz de Ticiano. Rubens era um homem de muita auto-confiança, ciente de seu valor, educado e com grande charme pessoal. Em seus retratos ele identificava a escultura para transformá-la na linguagem da pintura. Ninguém pintava com o mesmo vigor, qualidade e entendimento do drama da vida humana. Suas pinturas tinham um alto nível de qualidade. Ele foi chamado “O Rei dos pintores”.

• DVD 37 - Rembrandt

Foi um dos artistas holandeses mais influentes do século XVII. Desde o começo de sua vida profissional, ele seguiu seu próprio caminho. Foi um gigante da era Barroca e seu trabalho era verdadeiramente moderno e atemporal. Seu estilo como retratista era bastante penetrante e nos proporcionou um dos maiores “insights” da alma humana.

• DVD 38 - Van Dyck

Um dos grandes mestres holandeses, seus melhores quadros incluíram imagens religiosas atemporais. Mas sua fama veio dos retratos da nobreza de sua época. Mostrou uma habilidade técnica extraordinária, e colocou sua própria identidade em suas obras; a idéia de movimento nas suas pinturas faz com que suas obras se tornem mais sofisticadas.

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.